Como tornar-se no seu próprio chefe

Torne-se no seu próprio chefe em 4 passos

Não é necessário sentar-se na cadeira mais alta do escritório para ser o chefe – nem que seja apenas de si mesmo. Aprenda a gerir o trabalho por conta própria e torne-se no seu próprio chefe.

Das diversas fantasias que os funcionários alimentam sobre seus chefes, uma é muito frequente: a de que ele é o único responsável por orientar, administrar e avaliar o seu trabalho.

No entanto, o poder, segundo os especialistas em liderança, pode e deve ser compartilhado. «Um profissional que não depende do chefe para tudo ganha em produtividade e eficiência».

O esforço em delegar tarefas e descentralizar ao máximo a gestão, ligado ao conceito de «empowerment», é uma tendência de gestão nas grandes multinacionais.

“Ganha-se muito com isso, porque o profissional é visto como adulto, e acaba trabalhando de forma mais responsável e madura”.

Em substituição da tradicional relação de obediência que existe entre patrão e empregado, surge uma dinâmica semelhante à que existe entre cliente e fornecedor: o que faz a roda girar é o compromisso com a qualidade do serviço, não a hierarquia.

»» Leia também: “Será que tenho um funcionário resmungão?“.

O funcionário capaz de assumir a responsabilidade por si mesmo poupa recursos da empresa e, por isso, será cada vez mais valorizado e disputado pelo mercado de trabalho.

Os melhores empregadores sabem reconhecer essas pessoas e certamente deverão recompensá-las com boas oportunidades. Aqui está o nosso contributo para que se torne no seu próprio chefe:

Quatro passos para se tornar no seu próprio chefe

1. Ter consciência do que esperam de si

Antes de mais nada, precisa de conhecer a fundo as caraterísticas do seu empregador e as particularidades da sua função. Precisa ter consciência sobre as expetativas básicas que existem sobre o seu trabalho – para não precisar ser lembrado constantemente por alguém a respeito delas.

2. Conheça os possíveis efeitos das suas falhas

É decisivo saber precisamente quais os erros seus que seriam tolerados, e quais seriam inadmissíveis. Da mesma foma, precisa saber quantificar os riscos e as oportunidades envolvidos no seu trabalho. Qual é o custo para empresa dos seus erros? E o potencial retorno dos seus sucessos? Essas variáveis precisam ser estudadas no seu processo de autogestão.

»» Também poderá gostar do artigo “Estudo sobre Criatividade nas empresas“.

3. Estabeleça uma relação de equilíbrio com o seu chefe

Não confunda empowerment com independência absoluta da estrutura. Pode, e deve, quando o problema o justificar, pedir a colaboração do seu chefe. O ideal é estabelecer um meio termo entre a microgestão, situação na qual o funcionário pergunta tudo para o seu superior, e uma espécie de “voo livre”, em que não pergunta nada. É necessário haver trocas entre o funcionário e o chefe, baseada em confiança mútua.

4. Faça autoavaliações constantes

Por fim, para consolidar a sua autonomia, é importante ter um olhar crítico sobre o seu próprio trabalho. Uma ideia é manter um diário dos insights e lições do seu dia a dia no escritório. Analisar os desafios que se apresentarem, bem como as soluções encontradas, ajuda a sistematizar o seu desenvolvimento. O objetivo que precisa atingir é aprender sozinho, continuamente.

  • Dias Úteis por Mês
    Verifique os dias úteis, feriados e fins de semana para o ano de 2023. Saiba quantas horas vai efetivamente trabalhar e, aproveite a nossa oferta, descarregando a folha de Excel com os dias úteis por mês.
  • Como Organizar o Armazém
    Organizar um armazém implica criar um layout eficiente que maximize a utilização do espaço, racionalize o movimento de bens e pessoas, e torne fácil encontrar e aceder a itens.
  • Prazo Médio de Pagamento (PMP)
    O Prazo Médio de Pagamento, assim como o Prazo Médio de Recebimento, é um instrumento que nos ajudam a compreender o estado da tesouraria de uma determinada empresa.
  • Como Detetar Oportunidades de Negócio
    Um pessimista vê dificuldades em todas as oportunidades, um otimista vê uma oportunidade em todas as dificuldades. Um empreendedor será certamente um otimista. Veste artigo vamos revelar-lhe como detetar oportunidades de negócio.